Relatório da European Travel Commission (ETC) aponta que turismo europeu continua em alta.

Turismo Europeu Segue com Crescimento Moderado


Com informações da Agência Lusa.

De acordo com o último relatório trimestral da European Travel Commission, a procura no turismo europeu continua em território positivo, embora com um crescimento mais comedido comparativamente aos últimos dois anos, com a perspectiva a ficar-se nos +3-4% de chegadas de turistas internacionais em 2019.

O relatório “European Tourism – Trends & Prospects”, para o terceiro trimestre de 2019, mostra que embora os riscos teimem em não dissipar, os destinos europeus continuam a crescer a um ritmo moderado. Entre julho e setembro, os países que mostraram um maior crescimento foram Montenegro (+18%) e a Turquia (+15%). Do outro lado do espectro encontra-se a Islândia, com uma queda de 14%, associada à valorização do Krona e ao colapso da Wow Air.

“Este último relatório mostra que a procura por viagens na Europa está bem, com aumentos constantes nos indicadores turísticos no geral”, avança Eduardo Santander, director executivo da ETC, que continua: “Os destinos europeus continuam a apresentar taxas de chegada saudáveis […] enquanto isto, o turismo europeu precisa de se focar no desenvolvimento de soluções de gestão sustentáveis a longo prazo, para permitir que o turismo floresça”.

Os mercados de longo curso continuam a contribuir significativamente para o crescimento do turismo nos países europeus, em particular mercados como os Estados Unidos e a China. Por outro lado, o tráfego aéreo fixou-se nos 4,1% no último trimestre, abaixo da média de expansão de 6,1% que apresentava nos últimos 10 anos. Ainda assim, é importante referir que a taxa de ocupação tem vindo a crescer significativamente, mesmo considerando um aumento de capacidade robusto.

O relatório inclui um capítulo especial dedicado ao potencial impacto de um ‘no deal Brexit’. O efeito combinado de factores económicos e não económicos causaria uma queda de 7% nas viagens de turistas britânicos para fora do país em 2020 e de 8% em 2021. O estudo mostra que tal teria um efeito negativo permanente no volume de viagens outbound por estes turistas. Estima, ainda, que Espanha seja o destino mais impactado, com menos 1.3 milhões de turistas do Reino Unido a visitar o país em 2021.

Ao visitar a Europa lembre-se de compensar as emissões de CO2 de vossa viagem com o Ecopass. Download gratuito na Apple Store e Google Play.

Ecopass. Com você a construir um mundo melhor!

Créditos imagem principal: Luiz Roberto – acervo Ecopass.